Piloto espanhol garante título no Brasileiro de Motocross

Campano comemora no pódio. Foto: Kelson Rene/ CBM

Campano comemora no pódio. Foto: Kelson Rene/ CBM

O piloto Carlos Campano sagrou-se campeão da MX1, a principal categoria do Campeonato Brasileiro de Motocross. O espanhol assegurou o título neste domingo, 19, durante a 8ª e última etapa da competição realizada em Toledo (PR).

O Campeonato, que teve início em abril, passou por sete estados: MS, MG, SC, SP, RJ, RS e PR. Nesta final, o espanhol  chegou com apenas nove pontos de vantagem. Na primeira bateria da MX1, Carlos Campano venceu e ampliou a vantagem sobre os adversários. Na segunda prova do dia para a classe, o piloto administrou a diferença na classificação e terminou em sexto, ficando em terceiro lugar na somatória das provas.

Carlos Campano chegou a 310 pontos e terminou a competição com três pontos a mais que o segundo colocado Jean Ramos, garantindo mais uma vez o título na principal categoria do Campeonato Brasileiro de Motocross. O espanhol já possuía uma conquista em 2012, quando estreou na competição.

“Foi um ano muito difícil. Sofri com uma lesão nesta Temporada e cheguei a ficar muito atrás dos líderes. Mesmo assim consegui chegar brigando pelo título e me tornei campeão de novo. Agora é descansar e me recuperar para o próximo ano”, declara Carlos Campano.

Já na disputa da MX2, Hector Assunção precisava apenas ficar em segundo nas duas baterias para garantir o título. Mas na primeira disputa acelerou e terminou em primeiro, aumentando para 10 pontos a diferença para o companheiro de equipe, o português Paulo Alberto. Assim, na segunda bateria, a quinta colocação já seria suficiente, e Hector ainda terminou em terceiro.  O piloto ficou na primeira colocação na última etapa e levou o título de campeão Brasileiro na MX2.

Este é o quinto título de Hector que segue na categoria MX2 em 2015. “Depois da primeira etapa eu torci meu tornozelo e acabei diminuindo o ritmo de treino, e meu desempenho não foi tão bom quanto na primeira etapa (ficou em primeiro lugar). Mas, como mantive a regularidade no Campeonato acabei vencendo”, ressalta Hector.

Neste domingo, as mulheres também entraram na pista para decidir o título da categoria feminina, a MXF, que foi disputado em etapa única. Mariana Balbi foi a mais rápida na largada, seguida de Stefany Serrão, Maiara Basso, Janaina Todeschini e Marcely Cazadini. A prova foi quase inteira com as meninas nestas posições. Stefany não saiu de perto de Mariana, até que aos 14 minutos ultrapassou a mineira e assumiu a primeira posição.

“Como choveu, eu sabia que seria uma prova difícil, mas que eu tinha condições de vencer. Não me arrisquei muito, pois estava sendo uma prova muito difícil. Estava na segunda colocação até que no final da prova resolvi atacar e consegui a ultrapassagem. Estou feliz de mais com esse título”, ressalta Stefany Serrão.

A 8ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross é uma realização da Federação Paranaense de Motociclismo (FPRM), Moto Clube Toledo, Secretaria de Esportes e Lazer e Prefeitura de Toledo, com patrocínio da Cerveja Colônia. O Campeonato Brasileiro de Motocross 2014 é organizado pela CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e tem o patrocínio da Honda, Yamaha, Rinaldi, Peterlongo, Levorin, Petrobras, Lubrax e IMS.

Esse post foi publicado em Brasileiro de Motocross e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s